Dicas

Como conseguir um emprego na Nova Zelândia

Vistos e a burocracia para conseguir um emprego na Nova Zelândia

Antes de pensar em procurar um emprego na Nova Zelândia você deve verificar no site da imigração que tipo de visto, entre os que permitem conseguir um emprego no país, você é capaz de conseguir (trabalhar com um visto de turismo é ilegal e gera deportação imediata).

Um Working Holiday Visa não demanda muita burocracia, mas tem quantidades limitadas, é altamente concorrido e só vale para quem tenha até 30 anos (além de ser necessário atender a outros requisitos).

Outra opção é vir com um visto de estudante. Desde 2013 quem vier para a Nova Zelândia estudar em uma escola de categoria 1 em cursos de 20 horas semanais e por mais de 14 semanas tem direito a trabalhar outras 20 horas para custear a estadia. Neste caso, procure uma agência de intercâmbio de sua preferência e contrate os serviços de um immigration adviser para te orientar no processo, se necessário.

Um recurso mais complicado é tentar um visto de trabalho. Se esta for a sua escolha, você precisa verificar se sua profissão está enquadrada nas Skilled Shortage Lists do Governo – listas atualizadas anualmente das profissões reconhecidamente com vagas em demanda no país.

Se você conseguir comprovar suas qualificações e experiência em alguma das áreas listadas, tiver menos de 55 anos, falar bem inglês, entre outros requisitos, é possível que esteja apto a conseguir um visto de trabalho que te permita entrar no país antes mesmo antes de ter uma proposta de emprego concreta. Caso sua formação não esteja listada, mas ainda assim seja considerada “Skilled”, a obtenção do visto fica condicionada a que você consiga uma proposta formal de emprego na Nova Zelândia antes de iniciar o processo.

Fora estes modelos citados, ainda existem diversos outros tipos e, não me canso de falar, o site da imigração é a melhor fonte para tudo o que diz respeito ao assunto e oferece um guia detalhado de cada uma das opções oferecidas.

Para mais detalhes contrate uma consultoria com um immigration adviser registrado pelo Governo – os únicos legalmente autorizados a ajudar no processo.

Onde posso procurar um emprego na Nova Zelândia?

Se sua profissão estiver em demanda, as vagas em aberto serão anunciadas em sites que já são voltados para receber candidaturas de potenciais migrantes. Vale conferir o Work Here, o New Kiwise o Working in New Zealand.

Fora das vagas em demanda você vai ter que batalhar no mesmo ringue que os neozelandeses procuram emprego. Os maiores sites de anúncio de vagas gerais do país são o Seek e o TradeMe, e é possível encontrar alguma coisa também no My Job Space e no Workpool. Mas tenha em mente que não será nada fácil disputar um emprego na Nova Zelândia estando no Brasil, pois, a não ser que você tenha excelentes qualificações, dificilmente um empregador estará disposto a fazer uma entrevista a distância.

Empregos temporários na Nova Zelândia

Mais fácil que procurar uma proposta definitiva, há muitas ofertas temporárias de emprego na Nova Zelândia e outras que funcionam de acordo com as estações do ano, incluindo algumas em que não é necessário ser fluente no inglês. Falta muita mão de obra para atender serviços básicos no país, como nas áreas de agricultura e horticultura, hospitalidade e turismo, entre outras. São vagas que se encaixam muito bem na rotina dos que vêm com um Visto de Estudante ou com um Working Holiday e estejam dispostos a colocar a mão na massa.

Para estas ofertas vale pesquisar no Seasonal Work e no Seasonal Jobs. O Pick NZ também anuncia algumas vagas de emprego na Nova Zelândia, mas talvez seja mais interessante ao ser usado como fonte de informação sobre as diferentes regiões do país e melhores épocas para procurar trabalho em cada uma delas.

Emprego em áreas específicas e sites de recrutamento

Se você é do tipo que faz questão de trabalhar em sua área de sua formação, mas não se sente muito disposto a encarar sozinho a busca de uma vaga, existem sites de recrutamento que buscam profissionais de áreas específicas: engenharia, construção, marketing, vendas, TI, recursos humanos são algumas das mais procuradas, mas dá pra encontrar uma pra cada setor da economia. No Careers NZ tem uma lista completa destas empresas.

Mais informações

O Governo da Nova Zelândia ainda disponibiliza portais onde fornece ajuda e dá informações detalhadas não apenas sobre emprego, mas estilo de vida, educação, saúde e tudo o que você precisa tomar conhecimento antes de partir para uma nova vida em um novo país. Tanto o New Zealand Now, quanto o NZ Ready oferecem opções de cadastro para que você receba emails regulares com informações sobre a Nova Zelândia. O Careers NZ vai bem mais fundo, dando detalhes para quem já estiver partindo para a busca na prática.

Se tudo isso ainda parece confuso, repito uma última vez: acesse o site da imigração e analise com calma suas opções, não é tão complicado quanto parece.

Fonte: https://vidacigana.com/emprego-na-nova-zelandia/